27 junho 2011

PQMPV - Capítulo 60


Oh, meu Deus... Eu nem sei o que dizer.
Meu bebê está terminado, com um bebê vindo do nada no final! HAHAHA
Esse finalzinho seria diferente, mas enquanto ouvia a música Make You Feel My Love – a que está no capítulo –, me veio essa ideia... E eu espero que tenham a achado tão perfeita quanto eu, sinceramente.
E eu só tenho a agradecer a cada um de vocês... Meus leitores maravilhosos e que causariam inveja a qualquer outra escritora. Vocês me fizeram crescer e amadurecer ao longo desses quase dois anos de Plus Que Ma Propre Vie...
Comecei a escrever a fic com meus quase 14 anos de idade e cá estou agora, com 16 anos... Eu espero muito que a minha primeira história tenha sido tão boa pra vocês quanto foi pra mim... E saibam que vou guardar cada um de vocês dentro do meu peito, meus primeiros leitores, as primeiras pessoas que me fizeram completa.
O meu sincero “Obrigada!” à todos que me acompanharam desde os primeiros capítulos, sempre comentando, criticando, dando dicas e fazendo um sorriso bobo transparecer em meus lábios a cada review. Vocês foram importantíssimos!
E o meu sincero “Obrigada!” igualmente aos leitores que sempre acompanharam, mas decidiram se expor somente agora, nos últimos capítulos... É incrível da mesma forma e me faz saber que eu tenho mais leitores do que imaginava! HAUHAUAHUAHUAHUA
E eu não posso esquecer dos que apareceram do nada ao longo desses anos... HAHAHA! Os novos leitores que se disponibilizaram a ler a história já adiantada e que me proporcionaram a honra de tê-los por aqui assiduamente...
Muito, muito, muito, muito obrigada, seus lindos! De leitores, eu consegui grandes amigos aqui, e que eu espero levá-los por toda a vida.
Obrigada às fofíssimas leehzinhaJulianaPintoAna Paula SouzaTwifansBellaMC,tatyaneeMo3lovestoryannabelyscullemBia_FelixDEAJoyce_Culleneduarda-du1 eGabii_Pattz que recomendaram a fic! Vocês não sabem o quanto me deixaram imensamente feliz! Muito obrigada!
E claro que não posso esquecer daquelas lindas que me acompanharam fervorosamente, me elogiando e me ameaçando tantas e tantas vezes de morte! KSOMAKAMSOPKSMP
São essas as minhas fofas:


vivianpasini | VanessaDark | Bia_Felix | Mo3 | beta18 | tatyanee | leehzinha | kly | DEA | Liihbomfim | Joyce_Cullen | lovestory | jeje2786 | Kahh_rv | brunacvsousa | Twifans | Bellsmarti |Mariza | katilene | _lanamesquita | IzabellaG | narisinho | ninaxaubet | BellaMC | Tata Sag Cullen | greyci-cullen | shannayia | Nessiemysoul | Clara_Cullen | Julyah | lukaahbenevides | NessieC |Aline XU | Ana Paula Souza | janine_jks | lorena lima | Tuca Cullen | Alicehale | mimilla | quel |Kakau Pimentinh | MPR | leehzinha | carol_06 | ooooooooooooooo | Carol_Cullen | Lilian | Joannajuju | maryah-cullen | lorrana isabela | tatatifer | Emma Ai | 4rtemisa | juaassaid | Fics_s2 |KTwilight | Agatha21 | juhpatty | Marina__Cullen | celeguedes | Pink_Star_Power | aih | 
Mayuma-chan | cath_santana | Lady_Cullen | yasmine_ml | Bruna Oliveira | _Tonks | lilly | tenyo | KateCullen | debbiestewart | AgathaLeite | Agome chan | MrSouza Cullen | Giuh Cullen |DeniseBelle26 | Ludmilaaa | Lariis star | Acdy-chan | IsabellaPC

Se a minha mente retardada esqueceu de alguém, por favor, avise no comentário que coloco aqui =)
Ah, e quem quiser ver os babies Cullen (inclusive o novo(a) membro da família) clique aqui.
E, mais uma vez, muitíssimo obrigada a cada uma de vocês... Desejo tudo de bom à todos e espero vê-los em meus outros projetos! Tenho fic nova na área já e, em breve, teremos mais!


            Então é isso. Muito obrigada e até breve!
            Um grande beijo e fiquem com Deus.
            Toodles honey
25 junho 2011

B - Capítulo 1


            Era tudo muito diferente de seus princípios iniciais. Ambos estavam ali, interligados agora, no epicentro da guerra. E eles não pareciam se importar com as casas em ruínas, as ruas destruídas e aviões de bombardeio tomando conta do céu, anunciando o ataque que logo chegaria.
            Os brilhantes olhos verdes que ele possuía, como as folhas de um delirante jasmim, fitaram com autenticidade o mar caramelizado que era a íris dos olhos dela. Verde e dourado – parecia uma esperança ali. E realmente havia uma.
            Eles não se importavam com nada mais, pois eles sabiam que haviam encontrado tudo o que procuravam um no outro. Suas almas se completavam, seus espíritos eram um só, e suas vidas estavam entrelaçadas para sempre.
            Eles podiam sentir.
            Edward sorriu torto para Bella, sentindo a brisa gelada daquela cidade em caos atormentar sua pele e fazer seus cabelos cor de bronze tinir e mover com uma suavidade delirante. Ela só soube sorrir em resposta, absorta demais naquele momento secreto para perceber seus tão suaves fios acastanhados se ondularem com o anunciar da tempestade.
            Chegara a hora. Eles não tinham para onde fugir. E nem queriam também. Ansiaram demais por aquele momento para, simplesmente, deixá-lo se esvair por entre seus dedos. Era até cômica aquela ligação tão forte, no meio do campo de batalha.
Ela era a inimiga dele afinal, ou deveria ser. Ela era a nazista, a prometida para a nova geração, que abrira mão de tudo para lutar por seus ideais, com sede de vingança. E ela era a traidora. Ela traíra a Alemanha em busca de seus objetivos, o que causava o completo fascínio dele.
Enquanto ele era o inimigo dela afinal, ou deveria ser. Ele era o capitão da força aérea americana, o líder do bombardeio, que confiara naquela pequena estranha, mas possuía um passado tão ímpar quanto o dela.
 – Você está pronta? – A voz de veludo, da qual ele era dono, soou, fazendo os pelos de Bella se eriçarem deliciosamente.
– Estou. – respondeu com certa firmeza, transparecendo em seu olhar toda a extinção de hesitação, que dava lugar à força e segurança provocadas por ele.
E, então, Edward estendeu sua mão esquerda, olhando para sua garota amavelmente. Bella a pegou sem qualquer traço de arrependimento, sentindo, na verdade, aquele aconchego tão gostoso preencher seu peito de uma maneira intensa, do jeito que somente seu capitão sabia fazer.
Os dedos entrelaçados se apertaram com força, e ambos somente pegaram suas armas e proteção, correndo, em seguida, até o último avião americano naquele solo europeu tão violentamente estilhaçado.
E, enquanto entravam no enorme caça, apenas puderam ouvir o estridente barulho de outra bomba explodir ao longe. Mas nada os deteria.
Eles queriam lutar. Eles iriam lutar.
Afinal, eles estavam juntos. E se amavam.

24 junho 2011

Nova Fanfic: Betrayer

Post atualizado!
Hey! Olha quem voltou! kkkkk'
Bom, eu havia comentado, no post anterior, que novas fics viriam por aí... E pra deixá-los com um gostinho de quero mais, aqui está a capa de uma delas e o PRÓLOGO!
Já foi postada no Nyah! e estou postando nos outros sites também... Espero que curtam!

Sinopse: 
Segunda Guerra Mundial. O planeta em caos. Uma luta entre nazistas e americanos. E um grande amor.
Ele, o capitão das forças armadas americana. Ela, membro das forças armadas alemã.
Esta, embora seja de origem estadunidense, sempre morara na Alemanha e tivera a influência dos pensamentos nazistas de seus pais, acabando por fazer parte do lado negro da história ao se aliar à Hitler.
Mas sua vida é drasticamente transformada, junto de seus conceitos. E uma onda de vingança toma conta de seu ser, fazendo-a trair seu próprio país ao conceder uma aliança à armada dos Estados Unidos, delatando todos os segredos de estado que soubera durante sua jornada em Berlim.
E é onde ela conhece o capitão da US Air Force, que logo se vê ridiculamente deslumbrado por aquela que deveria ser sua maior inimiga. A inimiga de seu Estado que, agora, tomara conta de cada pedacinho de seu jovem coração.
E no meio da maior batalha de todos os tempos, nasce uma grande paixão. Que seria capaz de vencer qualquer guerra. Seria?

            Era tudo muito diferente de seus princípios iniciais. Ambos estavam ali, interligados agora, no epicentro da guerra. E eles não pareciam se importar com as casas em ruínas, as ruas destruídas e aviões de bombardeio tomando conta do céu, anunciando o ataque que logo chegaria.
            Os brilhantes olhos verdes que ele possuía, como as folhas de um delirante jasmim, fitaram com autenticidade o mar caramelizado que era a íris dos olhos dela. Verde e dourado – parecia uma esperança ali. E realmente havia uma.
            Eles não se importavam com nada mais, pois eles sabiam que haviam encontrado tudo o que procuravam um no outro. Suas almas se completavam, seus espíritos eram um só, e suas vidas estavam entrelaçadas para sempre.
            Eles podiam sentir.
            Edward sorriu torto para Bella, sentindo a brisa gelada daquela cidade em caos atormentar sua pele e fazer seus cabelos cor de bronze tinir e mover com uma suavidade delirante. Ela só soube sorrir em resposta, absorta demais naquele momento secreto para perceber seus tão suaves fios acastanhados se ondularem com o anunciar da tempestade.
            Chegara a hora. Eles não tinham para onde fugir. E nem queriam também. Ansiaram demais por aquele momento para, simplesmente, deixá-lo se esvair por entre seus dedos. Era até cômica aquela ligação tão forte, no meio do campo de batalha.
Ela era a inimiga dele afinal, ou deveria ser. Ela era a nazista, a prometida para a nova geração, que abrira mão de tudo para lutar por seus ideais, com sede de vingança. E ela era a traidora. Ela traíra a Alemanha em busca de seus objetivos, o que causava o completo fascínio dele.
Enquanto ele era o inimigo dela afinal, ou deveria ser. Ele era o capitão da força aérea americana, o líder do bombardeio, que confiara naquela pequena estranha, mas possuía um passado tão ímpar quanto o dela.
 – Você está pronta? – A voz de veludo, da qual ele era dono, soou, fazendo os pelos de Bella se eriçarem deliciosamente.
– Estou. – respondeu com certa firmeza, transparecendo em seu olhar toda a extinção de hesitação, que dava lugar à força e segurança provocadas por ele.
E, então, Edward estendeu sua mão esquerda, olhando para sua garota amavelmente. Bella a pegou sem qualquer traço de arrependimento, sentindo, na verdade, aquele aconchego tão gostoso preencher seu peito de uma maneira intensa, do jeito que somente seu capitão sabia fazer.
Os dedos entrelaçados se apertaram com força, e ambos somente pegaram suas armas e proteção, correndo, em seguida, até o último avião americano naquele solo europeu tão violentamente estilhaçado.
E, enquanto entravam no enorme caça, apenas puderam ouvir o estridente barulho de outra bomba explodir ao longe. Mas nada os deteria.
Eles queriam lutar. Eles iriam lutar.
Afinal, eles estavam juntos. E se amavam.

Recomendação: Introduzindo Sexo à Vampiros Virgens

Hey, everybody!
UAU! Finalmente férias chegando, povo... EU NÃO VIA A HORA! kkkkk' 
Agora poderei finalizar Plus Que Ma Propre Vie, postar Respiro Me com mais frequência e dar início a três novas fanfics: Betrayer, Burning Love e Me Respire ^^
Espero que possam acompanhá-las... Sinopse em breve ;)
Enquanto isso, vim mais cedo hoje pra recomendar uma fic FODÁSTICA, chamada Introduzindo Sexo à Vampiros Virgens (66'


Essa maravilhosa fanfic é originalmente escrita pela polêmica Daddy's Little Cannibal, levando como título When Life Gives You Lemons. As queridas Cold Blood Cookies traduziram-na, e a fic recebeu esse novo título em português!
Ela se passa em algum momento entre Eclipse e Amanhecer... Na verdade, é um início alternativo ao livro Amanhecer, onde Edward e Bella têm uma vida sexual ativa e, gente, eu quase hiperventilo com esse Edward lindo e vampiro todo... quente! hoho'
O Emmett é uma figura, e vocês precisam ver a cara que a Bella faz quando ele inventa essa proposta! E, bem, ela aceita! Faltam 14 dias para o casamento, ou seja, Bella deve ensinar ao Edward 14 posições diferentes na hora do sexo! kkkkk'
É uma fic divertida e leve, embora haja muito sexo... As cenas de lemons são sempre românticas e os personagens possuem as mesmas características dos originais... E eu me pergunto: Tia Steph, por que você não teve essa ideia maravilhosa? HAHAHA
Então, se eu fosse vocês, não perderia a chance de ler uma short-fic tão boa quanto essa... São 15 capítulos incríveis, muito bem escritos e elaborados, que vocês irão amar tanto quanto eu \O/
Quem quiser lê-la, basta clicar AQUI!
Um grande beijo pra cada um de vocês... E até breve =)
Toodles honey

17 junho 2011

Recomendação: Turbulências de Primeira Classe

Hey! Como vão?
Bom... Estou morta! kkkk'
Fiz 83729827892 provas hoje e agorinha vou festar 0//
Anyway, dei uma passadinha aqui pra recomendação da semana, e se trata de uma das minhas fanfics prediletas *___*



Caribe, primeira classe, as férias do sonho, e um noivo maravilhoso. Turbulências são só o começo das férias mais intensas que Bella e Edward já tiveram. 

Essa fic maravilhosa é escrita pela Pamela Baldenessi, mais conhecida como Kate Simon Cullen!
Repleta de lemons, hentais e muito romance, Turbulências de Primeira Classe narra um Edward e uma Bella humanos e noivos, que decidem sair da rotina de Nova York e viajar para as belíssimas ilhas caribenhas com seus amigos, Alice e Jasper ^^
Com uma escrita totalmente fabulosa, repleta de talento e muita intensidade, essa fic é simplesmente magnífica! É divertida, engraçada, romântica e muuuuito sexy (66'
Então o que estão esperando? Comecem a lê-la agora mesmo... Vocês irão viciar =) Para lê-la, CLIQUE AQUI.
Um grande beijo e não se esqueçam da nossa entrevista ao vivo amanhã *olhinhos brilhando*
Um beijo e até =*
Toodles honey




11 junho 2011

Chat Ao Vivo!

Olá, amores!
Bom... Só estou aqui pra avisar que no próximo final de semana teremos um chat exclusivo! Sim... Será o "Entrevista Com a Autora", onde todos poderão participar, enviando suas dúvidas e curiosidades através de perguntas *sorriso colgate*
Então, não se esqueçam - Temos um encontro marcado no próximo sábado, a partir das 2 da tarde, neste mesmo link, aqui no blog!
Simplesmente vou adorar poder bater um papo gostoso com vocês ;)

Dia do chat: Sábado, 18 de junho de 2011, às 14:00.

10 junho 2011

Recomendação: Only Human

Hey, people!
Todos recuperados após o trailer de BD e o MMA?
Putz! Morri com o "beijo" Robylor *O*
kkkkk'
De qualquer forma, estou aqui hoje pra recomendar uma MEGA fanfic, já finalizada, chamada Only Human.


Um pedido manda Bella de volta no tempo para Chicago, 1918, e para um Edward humano.


Escrita pela Amethyst Jackson e traduzida por Thaci, essa fanfic é simplesmente FABULOSA!
Ela foi escrita antes de Amanhecer ser lançado, onde Edward e Bella, após se casarem e passarem a lua de mel na Europa, voltam para casa no dia do aniversário da mesma, e ela acaba fazendo um pedido inusitado que... Erroneamente é atendido!
Ela só queria fornecer ao Edward as mesmas experiências humanas que ele a fornecia, mas ela não esperava abrir os olhos e estar no meio de uma praça de Chicago em 1918. E adivinhem quem foi o cavalheiro que perguntou se ela estava perdida? SIM, Edward Masen, humano e lindo de olhos verdes e em seus plenos 17 anos.
Bella irresistivelmente passa um tempo na casa da família Masen - e devo acrescentar que Elizabeth é tão boa quanto Esme? -, mas acaba se apaixonando por esse novo Edward.
Enquanto isso, seu vampiro, no futuro/presente, começa a ter flashbacks de um novo passado... Passado este que está sendo reconstruindo ao conhecer Bella em 1918.
A história é perfeita e merece todos os elogios possíveis...
É instigante, linda e de um enredo avassalador.
Você irá se apaixonar por esse Edward humano, rir com os ciúmes do Edward vampiro, e ficar dividida entre os dois que, na verdade, são um só!
Degustem sem moderação... E curtem cada um dos 27 capítulos dessa magnificência chamada Only Human.
Para lê-la, CLIQUE AQUI.

PS: Ainda não comecei a escrever Plus ou RM... Mas, qualquer atualização, irei postar aqui ;)
Um beijo e fiquem com Deus!
Toodles honey


 
Template feito por Nathália Almeida, exclusivo para disponibilização no Single Themes. Não retire os créditos!